Colelitiase- Pedra na vesícula

A causa mais comum de doença da vesícula biliar é a formação de pedras no interior da vesicula biliar. Elas se formam quando quando  a própria bile se condensa em massas sólidas podendo desenvolver cálculos únicos ou múltiplos.

 

Tipos de calculos

A maioria dos calculos são formados de colesterol. No entanto, certas condições como cirrose, doenças hematológicas e outras doenças podem levar a formação de calculos pigmetados.  Esses são formados de bilirrubina.

Colecistite aguda

 Quando as pedras contidas na vesícula biliar impactam no canal de saída impedindo a drenagem da bile ocorre a inflamação do órgão. Essa condição é conhecida por colecistite aguda  e está associada aos seguintes sintomas:

  • dor importante no lado direito abaixo da costela

  • náusea e vômitos

  • febre

Risco especial para as mulheres

Pesquisas apontam que a formação de cálculos biliares está relacionado com o hormônio estrógeno. Esse hormônio parece aumentar a carga de colesterol no líquido biliar propiciando a deposição de cálculos. Isso pode ser visto em condições especiais como a gravidez onde o líquido biliar forma uma "lama" de bili mais densa difícil de se absorvida e mais predisposta a formar cálculos.

Obesitade

O sobrepeso está relacionado ao excesso de colesterol no organísmo aumentando a chance de formação de cálculos no interior da vesícula biliar.  A perda de peso rápida e o reganho de peso estão associadas ao maior risco de formação de cálculos biliares.

Tratamento Cirúrgico

Locais de Atendimento

Telefones

Redes Sociais

Clínica Seitenfus

Av. Independência 925, sala 1407

Porto Alegre / RS

(51) 3108-0711

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Hospital Santa Rita

Rua Prof. Annes Dias 295, Centro Histórico

Porto Alegre / RS

(51) 3214-8080

Hospital Moinhos de Vento

Rua Ramiro Barcelos 910, Moinhos de Vento
Porto Alegre / RS

(51) 3314-3434